16 de outubro de 2008

Up date - 20 de outubro

Obrigada, Ery

Amigos aquecem o coração da gente.


__________________________________

Ruídos de (in)comunicação.


Sou a rainha do equívoco.Demorei a assumir que algo inconsciente me faz parecer ,aos olhos de muitos, quem efetivamente não sou.Imaginam discursos que não seriam meus , fortunas que não tenho e certezas amorosas que eu não conseguiria obter.Alunos novos têm muito receio da Cris até se aproximarem ...para toda a vida ;Ex namorados, senhores outonais , vangloriam -se da coragem de " chegar até a Cris" ( se eu soubesse disso ! )e talvez por essa precisa razão eu tenha passado uma vida me encantado com os atrevidos, com os conquistadores. Para eles eu não precisava me decodificar ( até porque não sabia fazê-lo ). Teoricamente sabem tudo da alma humana - e do corpo também . Novo equívoco . A necessidade de muito colo era de ambos. E colo não havia sobrando .Nenhum sabia dar.
Desconfio que dei o maior trabalho para meus amigos mais íntimos,de longa data, os quais tenho o privilégio de possuir na vida . Desfolharam a Cris rosa ,pétala por pétala,até a Cris botão, essência.Ignoraram os espinhos. São porisso especiais. Que me acompanham nessa caminhada muitas vezes incomum na busca pelo simples que nunca acontece.
No mundo virtual não é diferente . Os equívocos avolumam-se . Certa vez eu estava “muito puta “ ( brava, claro ), e mandei um email indignado :
"- ....Espero que ela também fique puta da vida com essa história..."
"- Ah! Finalmente você mostra quem é! Isso não vai ficar assim !Ninguém ofende minha família...
"- Humpft! "
Mais recentemente, e ainda na net,um quase amigo se equivocou geral .Acertou o alvo mas errou a abordagem . Talvez tenha achado o alvo grande demais. E se perdeu . E nos perdemos. Acontece o mesmo na arquitetura. Quando o projeto é numa área muito grande o projetista se confunde . E precisa de tempo para se organizar. O ser humano precisa mesmo de limites, por mais que diga não.
Neste final de ano eu e meu filho estamos tramando uma com meu velho pai. Se tudo der certo ,e a grana também,vamos assistir um legítimo tango argentino na terra de Maradona.É um sonho para ele impossível de realizar.Como a mãe não entra num avião, vamos nós dois apenas. Certamente enfrentarei com resignação emputecida os olhares curiosos sobre o possível golpe que aquela mulher estaria aplicando no "pobre velhinho tão doente" .Normal . Não é muito diferente dos olhares críticos das garotas quando saio com meu filho “ - como ela agarrou aquele gato? Ela deve ter grana"...
__________________________________

Gente: O trabalho está me exigindo ;Cansativo e corrido, mas tem me permitido algumas realizações pessoais . Porisso vou continuar ,por ora, nesse ritmo de postar apenas uma vez por semana. E sempre que sobra um tempinho durante o dia ( ou noite ) vou visitando cada um de vocês.

Obrigada pelos comentários.Parte da minha força individual eu retiro daquí, dessa conversa. Amo a companhia de vocês.

Beijão!

46 comentários:

Yvonne disse...

Cris, a vida é cheia de equívocos desse tipo, principalmente quando o assunto em questão é relacionamento amoroso. Ainda assim, o jeito é continuar tentando sempre e sempre.
Beijocas

Dora disse...

Cris. Você fala de equívocos... Principalmente sobre abordagens interpessoais.E mais especificamente, com relação a você e vice-versa.
Mas, é realmente assustadora a aproximação de uma pessoa à outra, mais intimamente.
A gente(eu, você, todos...rs) tem uma aparência construída pelo entorno, onde realizamos nossos gestos, expomos nossos pontos de vista, enfim, onde agimos e inter-agimos.
As pessoas só têm de nós o que elas "captam" através dessa nossa aparência social.
Apenas aos "amigos", que escolhemos, permitimos vislumbrar aquilo que consideramos nosso "eu", ou nosso "centro irradiador".
E quanto mais reservados e protecionistas somos desse nosso "íntimo", mais as pessoas se atemorizam...né?
Eu não me importaria com a "imagem" que (nós)passamos. Mas, àqueles que identifico(ou identificamos) como capazes de nos preencher as carências e até de compreender nossa "singularidade", o gostoso é se deixar mostrar e se expor, de peito aberto.
Estou fugindo completamente do tema do texto. Mas, como sempre, quero bater-papo, aqui!!!!! rs
Retruque...Pronto.
Meu beijo!!
Dora

Edu e Mau disse...

Papai vai adorar! E quanto aos que falam, é pura inveja de não estarem com um tiozão ou gatinho a tiracolo! Também te adoro, daqui de Little Rock, Arkansas! :-)

Aninha Pontes disse...

Cris querida, bom adorei a imagem.
Perfeita. Tudo de ponta cabeça.
Quanto às pessoas, querida, veja que as vezes nos enganamos sim, e muito, mas isso não é o mais importante não.
Se nã vale a pena, não sofra em descartá-las.
Uma mãe gatona, tem mais é que provocar a ira e a inveja de mulheres mal amadas mesmo.
Você sempre será cobrada, será sempre o foco de atenção, será sempre avaliada. E sabe porquê? Porque se preocupa em não magoar, em não fazer sofrer.
Enganos? Sempre terão, continue se enganando, mas continue tentando, continue na busca de seu grande e verdadeiro amor.
Ele lhe dará sentido à vida, e ele virá.
Beijos meu bem.

CRIS disse...

Ivonne...

Claro que sim, querida.Se não houvessem os equívocos como haveria os reencontros? Você é uma super alto astral, viu?

Beijão.

CRIS disse...

rsrsr Dora, queridíssima e indispensável:

Também quero bater muito papo.Não pense que fugiu do assunto. A misturadinha é compreensível, quem manda ser "A" amiga? rsrsr.
O peito permanece aberto, Dora, no máximo as portas ficam fechadas mas não trancadas à chave...

Beijão, linda.

CRIS disse...

Dú!!!!!!

Quero ir pra Little Rock também! De bigs rocks quero descansar...rsrsrsr..

Você me adora? Pois saiba que é completamente correspondido na ação, ok??

Beijão, meu fofo.

CRIS disse...

Aninha-meu-bem...

Esse meu bem que você tanto fala não é por acaso, viu?.Você tem toda razão. Já magoei muito mais por medo de magoar. E o contrário também já aconteceu. Aliás, acho que aconteceu de quase tudo...rsrsr

Beijo, minha linda, e obrigadíssimo.

DO disse...

Muito obrigado pela gentil visita,Cris. A YVONNE é uma amiga muito fofa,rsss

Otimo fds a vc

Beijos!

Cadinho RoCo disse...

De uma certa maneira predispomos aquilo que sentimos e, por consequência, aquilo que emanamos. Se temos a liberdade de ser o que queremos ser, temos também a liberdade de emanar isso, ainda que de maneira sutil para nós mesmos. Fato é que se assim está bem, tudo bem.
Cadinho RoCo

Ery Roberto Corrêa disse...

Cris, não comentarei seu texto agora por um motivo muito compreensível, reservarei este direito para a ocasião mais propícia; no caso, quando anunciá-lo na próxima segunda-feira como mais um "Post de Ouro" para a coleção que está registrada lá no sidebar do meu blogue. Você se juntará a Adelaide, Dora, Meg, Jens e Jayme. Por ora tenho que parabenizá-la pela maestria com que consuziu temática tão complexa.

Receba o prêmio com o carinho que dispenso. Se quiser pode tratá-lo como "um colo", daqueles que é bom para ambos.

Beijão.

Jonice disse...

Que caneta inspirada em mãos sábias, minha amiga!

Adorei saber dos planos argentinos.

Beijo :)

Cris disse...

Cadinho...

Na mosca! O importante é estar bem pra gente e isso está. Simpatizo muitíssimo comigo mesma.

Beijo, querido.

Cris disse...

Ery, meu amigo de coração...

( Quer me matar ou só fazer chorar? rsrsr ). Claro que vou tratar esse carinho como colo.E já tomei posse desse colo.

Você é uma pessoa linda, Ery.

Obrigada.Beijos

Anônimo disse...

Pois é, Joca...

Sobre os planos argentinos, parece que vai mesmo vingar. Esse meu filho saiu bem melhor que a encomenda, viu?

Beijo, querida.

CRIS disse...

Joca...

Nem precisa falar que esquecí meu nome aí em cima, né? rsrsrsr

Beijo novamente.

Marcelo F. Carvalho disse...

A vida é essa, Cris (graças a Deus!). Imperfeições à parte, que coisa linda é, depois da fúria, um bom abraço!

CRIS disse...

Oi, Marcelo...

Sabe que eu tinha me esquecido disso? Verdade. Tomara que algumas fúrias passem logo...rsrsr

Beijão, querido.

Lumife disse...

Mas quantos projectos aí vão: Portugal, Argentina e que mais ...

Sempre que posso aqui venho "ouvir-te" mas nem sempre deixo marca da passagem mas conta sempre com este amigo cá deste lado.

Bom domingo.

Beijos

CAntonio disse...

Cris,

Ainda estou vivo, viu???

Assim que tudo acabar (segundo urno das eleiçoes) eu voltarei a pleno vapor.

Grande beijo no eu coração

adelaide amorim disse...

Viver é um pouco sofrer equívocos e se equivocar, não é mesmo?
Mas a onda vai e vem, o amor existe, apesar de tudo, e a amizade pode ser um pouco de paraíso na terra.
Beijocas e uma semana de bons encontros, querida.

CRIS disse...

Lumife, meu querido amigo,

E eu não sei disso? Sei que tenho a preciosidade do teu carinho e amizade.Não é à toa que abres a lista dos links, pois não?

beijo, querido.

CRIS disse...

CAntonioooo!!!!

Puxa, que saudade do meu valente amigo , não imaginas. Torço pelo teu candidato, viu?

Espero tua volta. Beijão.

CRIS disse...

Adelaide...

Amizade é tudo de paraíso na terra, querida.Mas tudo passa sim, tens razão...Mas o "chororô" é necessário, não é? Acalma...rsrsr

Beijão, linda.

Jacinta Dantas disse...

É Cris, às vezes penso que, para o outro, somos um amontoado de ilusões e de expectativas que esse outro faz do nosso Eu.
Na convivência, perdemos ou descuidamos de algumas máscaras e, aí, as coisas vão acontecendo.
Beijo

acqua disse...

Seu post me fez lembrar Alvaro de Campos. O outro que não eu que segue sendo o outro. As pessoas são mesmo engraçadas e bastante equivocas. Por isso que a pessoa que eu mais gosto é o meu cão(rs).
Abraços meus, boa semana e bom trabalho...

CRIS disse...

Jacinta...

Perdemos ou descuidamos de algumas máscaras com o convívio . Algumas vezes até para nós, que portamos as máscaras , a coisa fica insuportável sem elas , não? Nossa!!!

Beijo, querida.

CRIS disse...

Lunna...

Você falou certo, as pessoas além de equivocadas são engraçadas - me incluo nessa, viu?

Beijo, linda, boa semana.

http://prosaeverso.nafoto.net disse...

.




Eu visto e penteio o alvo da minha vida para um encontro, amoroso, entre a doce mosca morena da mulher bonita, com o vermelho dardo venenoso. Seria confuso se não fosse estranho, mas não viveria a vida se não fosse a morte. O amor confunde e não explica. Dá recibo, sem receber a conta. É confuso, diriam os lógicos, mas é romântico, dizem os poetas. Eu vivo ou morro neste delírio. Digo coisas que adoraria ouvir e ouço o que não me encoraja falar. Seria paradoxal se não fosse do amor que eu falo. Seria loucura se não fosse do sentimento que uni e separa, faz por terra castelos de pedra e eterniza na areia choupanas de sapé. Não sei rezar no manual do amor, mas sinto no meu peito o calor da febre que arde na minha alma pelas pessoas, atrevidas, que juraram por mim o seu amor que me faz vivo e pelas que, magoadas, reclamam o amor que eu não senti.

silvioafonso







.

Paula Calixto disse...

Pra mim, o cara atrevido é aquele que resolve mergulhar na sua sem a pose de todo-poderoso-dono-do-saber-salvador-da-pátria! [risos]

Porque é preciso atrevimento e espírito de desbravamento (conquista) para o feito.

E como a gente se [re]descobre todo dia, quando se permite, até quando não nos permitimos a lição vem, porque acumulamos vivências. Isso é o que mais importa.

Vai mesmo fazer sol-risos ao papis! Já pensou a carinha dele de alegria?! (;

Beijos, lindona.

P.S.: Por incrível que pareça, penei pra me achar nas suas "conexões". [risos] Massa! (((:

CRIS disse...

Oi, poeta...

Seja (re)benvindo!

Bonito texto, para variar.

Beijão.

jorginho da hora disse...

Cris, vcs falam em uma semana como se fosse um seculo. tenho a impressão de que isso é coisa de internet, onde tudo tem que andar na velocidade da luz. Trocar a postagem uma vez por semana já tá de bom tamanho. Não entendo essa pressa de todo mundo em trocar de postagem de minuto em minuto. Acho que a internet cria muita ansiedade. Não consigo acompanhar tanta velocidade.
Ah, eu também cometo esses tipos de equivocos.
VC não me disse como ficou o seu amigo, lembra? gostaria de saber o nome dele e como está passando
Mil beijos!

CRIS disse...

Oi, Paulinha...

O atrevimento genuíno é tudo de bom. Abre caminhos e "empurra" a humanidade. pena que o sentido hoje está meio equivocado...rsrsr

Beijo, querida.

CRIS disse...

Verdade, Jorginho.. em uma semana dá para visitar os amigos com tranquilidade, sem a ansiedade de postar novo texto a cada 2 ou 3 dias. Eu me achei nesse formato.

Olha, meu amigo se recupera lentamente. Já fica de pé sem apoiar nas coisas, ensaia alguns passos. O braço atingido parece que será o último a se fortalecer novamente, mas estamos com muita esperança. O nome dele é Benjamim.

Obrigada pela força, lindo.

Beijão.

Magui disse...

A vida é complicada mesmo e se formos nos importar com o que dizem os outros nem aproveitamos a breve estada pela Terra.

Jonice disse...

Aqui pelo perfil não consegui chegar no blog do Ery. E na tua lista deliciosamente designada, só acharia se tivesse mais tempo pra pesquisar, o que não é o caso ultimamente. Me conta então?

Beijo

Cris disse...

Oi, Magui...

Pura verdade, mas o texto é mais para desabafar e partilhar , está bem?

Bj

Anônimo disse...

O Ery é o "Confiança" nos links, Joquita .

Beijão.

valter ferraz disse...

Cris,
minha companheira de post, foi um privilégio ter um post citado pelo Ery no momento em que ele te homenageia com o "Post de Ouro".
Parabéns, mais que merecido.
Beijo, menina

DO disse...

CRIS

Muito obrigado por sua visita e pelas palavras num dia tão especial como o de ontem.
Brigadão mesmo

Beijos e uma otima semana!

Roy Frenkiel disse...

Espero que amanha seja melhor, Cris!

bjx

RF

CRIS disse...

Valter:

Que bom você por aquí ( licença Aninha - bem - do - Valter? ) rsrsr.

Esse "seu" Ery prega peças, meu amigo. Peças boas. Gratíssima pelo menina.

Beijão.

CRIS disse...

Oi, Do...

Vou voltar sempre. Lá o ar é puro e perfumado, viu?

Beijo, lindo.

CRIS disse...

Será, Royzito .Será, querido.

beijoxis ( é uma variação do teu bjx)

shark disse...

Nem sei o que te diga, pois não percebo nada destas coisas...
Mas adoro colo. Isso não posso negar. :-)
Beijoca do esqualo!

CRIS disse...

rsrsrok, Shark, ok. Vou acreditar nisso.

Beijos também.